Telefone:      (24) 9.9813-4330

Atribuições Profissionais em RM

Título

Atribuições Profissionais em Ressonância Magnética (RM)


Descrição

Neste curso abordaremos os aspectos gerais do atendimento ao paciente por parte da equipe técnica. A equipe técnica multidisciplinar de um setor de RM é composta por técnicos de enfermagem, radiologistas, enfermeiras e biomédicos, técnicos, tecnólogos ou operadores.

Assim como cada ator nesse processo, isoladamente o técnico desempenha importante função na manutenção do equilíbrio do fluxo de exames visando o cumprimento da rotina de trabalho que se baseia na agenda de pacientes.


Objetivos

Na rotina clínica dos exames de ressonância magnética, o técnico atua como principal colaborador no atendimento das necessidades físicas e emocionais do paciente. Ele é responsável por tentar entender a complexidade do ser humano e oferecer o suporte técnico adequado nas práticas de assistência ao paciente em todas as fases do exame. A orientação, o preparo, os cuidados antes, durante e após a realização do exame, a atenção e a agilidade, a capacidade de ouvir e atuar de maneira dinâmica são fatores cruciais para o profissional atuante na área de Ressonância Magnética (RM). Há uma lacuna literária, informativa e de formação relacionada a aspectos específicos e importantes das rotinas em RM. Sendo assim, o presente curso tem o objetivo principal de detalhar a vivência do profissional no ambiente de trabalho espelhando-se na realidade das rotinas de um setor de RM, além de buscar a atualização dos conhecimentos necessários para o desempenho da função nesse setor e de esclarecer questionamentos e indagações relacionados à execução de suas tarefas diárias.


Público Alvo

Esse curso é direcionado a técnicos de enfermagem, a estudantes e a todos os profissionais do setor que desejem obter experiência clínica nas rotinas de um ambinete de Ressonância Magnética, tais como, biomédicos, técnicos de radiologia, tecnólogos, radiologistas e enfermeiras.


Referências

Atlas de Anatomia radiográfica - Antonio Biasoli Jr.

Atuação dos Profissionais de Enfermagem no Serviço de Ressonância Magnética - Parecer CTAS nº025/2011.

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria MS/SVS nº 453 de 01 de junho de 1998. Aprova o Regulamento Técnico que estabelece as diretrizes básicas de proteção radiológica em radiodiagnóstico médico e odontológico, dispõe sobre o uso dos raios-x diagnósticos em todo território nacional e dá outras providências. Diário Oficial União. 1998 jun. 02. [citado 2007 dez. 10]. Disponível em: http://www.anvisa.gov.br/legis/ portarias/453_98.htm
http://www.imaios.com/br/e-Anatomy - ANATOMIA

Complicações do uso intravenoso de agentes de contraste à base de gadolínio para ressonância magnética. ELIAS JUNIOR, Jorge et al. Radiol Bras [online]. 2008, vol.41, n.4, pp. 263-267. Disponível em: .

Diretrizes da FDA para Segurança em Ressonância Magnética

Dicionário de Termos Médicos, Enfermagem e Radiologia - Deocleciano T. Guimarães

Glossário de Termos Técnicos para exames de Ressonância Magnética, Larissa Aras

nual de Proteção Radiológica Aplicada ao Radiodiagnóstico - Dimenstein/Yvone Hornos


Manual de ressonância Magnética Siemens

Planing and Positioning in MRI, 1º Ed., Anne Bright, Elsevier Health Sciences,Dez/2009.


Pocket Atlas of Radiographic Anatomy - Torsten B. moelles/Emil reif (Atlas de Anatomia Radiológica - edição em Português)

Segurança em Ressonância Magnética - Dicas de Aplicação Philips


Duração

80hs


Prazo para conclusão

40 dias


Investimento

R$ 240,00 à vista ou em até 15x no cartão.




Matricule-se



Se tiver qualquer dúvida entre em contato (24) 9.9813-4330